Distribuidora de bebidas: como montar, lucro, dicas, investimento, estoque

Em uma distribuidora de bebidas você pode vender tanto para comerciantes locais quanto para consumidores finais, o que aumenta ainda mais a clientela

Escrito por -


Quer abrir uma distribuidora de bebidas, mas não entende muito como funciona o negócio? De grande crescimento no Brasil e de fácil penetração tanto em áreas mais ricas quanto pobres, muitos têm optado pela abertura de distribuidoras de bebidas.

Nunca antes houve tanta vontade de empreender nos brasileiros. Seja porque o cenário econômico obriga a tomada de ação ou porque a alta dos “empreendedores de palco” tem influenciado a população, milhares de pessoas estão em busca de abrir o seu próprio negócio, se livrando das amarras dos chefes e ganhando a sua independência.

Entretanto, nem sempre esse é um processo fácil e muitas dúvidas surgem, especialmente no que tange a decisão do ramo de atuação.



Como montar uma distribuidora de bebidas

A primeira coisa a se ter em mente na hora de montar uma distribuidora de bebidas é a regra dos “Três L”: Localização, localização, localização.

Esse é de longe o aspecto mais importante do seu negócio e você deve sempre levá-lo em consideração. Estude o local que você deseja abrir a sua distribuidora, pesquise se há demanda para este tipo de produto na região, consulte se já há alguma outra empresa fornecendo esse serviço e como se capilarizar em sua já consolidada base de clientes.

distribuidora de bebidas
Os produtos da distribuidora de bebidas podem ser de diversas marcas (Foto: NewBranch)

Veja também: Site de Compras Online Confiável: Americano e da China

Investimento para abrir o negócio

Em média, o investimento para abrir uma distribuidora de bebidas do zero não é baixo. É preciso arrumar o local, preparar todos os equipamentos e fazer a compra dos produtos em fornecedores para estocar e gelar. Normalmente, o investimento não fica abaixo de R$50.000,00.

Margem de lucro

A margem de lucro de uma distribuidora de bebidas é extremamente variável. Isto ocorre porque os tipos de produtos vendidos influenciam diretamente na margem de lucro esperada e obtida na sua loja.

Produtos mais baratos e comuns, como água e as cervejas mais conhecidas, terão uma baixa margem de lucro. Entretanto, produtos de valor agregado mais elevado (como bebidas mais caras) e produtos agregados a bebidas, que serão tratados mais adiante, poderão render uma alta margem de lucro e fazer valer a pena o seu investimento.

Dicas para fazer sucesso

O mais importante para se fazer sucesso com uma distribuidora de bebidas é entender a sua clientela, não existe fórmula pronta.

Você deve investir em promoções de abertura que procurem atender os anseios daquela região: existem áreas em que o mais procurado serão as cervejas geladas e baratas, outras as cervejas artesanais e em outras até mesmo vinhos e bebidas quentes. Pesquise bem o seu cliente e invista no que ele já está querendo comprar.

Documentos necessários

Você precisará fazer o “pacote padrão” para abertura de uma empresa: inscrição no CNPJ e na Receita Federal, registro na junta comercial da cidade, inscrição na prefeitura (para o alvará de localização) e registro no sindicato patronal (no caso de haver funcionários).

O que vender em uma distribuidora de bebidas
(Foto: Imovelweb)

Saiba ainda: Coisas para revender barato em 2018: 25 ideias que dão lucro

Equipamentos e estoque

Um dos pontos negativos de se abrir uma distribuidora de bebidas é a completa dependência de equipamentos e estrutura.

Você não pode deixar de ter um largo espaço para ser utilizado de estoque e muito menos de uma estrutura de refrigeração adequada para gelar as bebidas mais consumidas pelos clientes.

Caso queira investir no serviço de Delivery, será necessário também se preparar para custear motoboys ou caminhões de entrega.

O que vender em uma distribuidora de bebidas? 

Não adianta ficar apenas nas bebidas, você tem que aproveitar as necessidades dos seus clientes e vender tudo que esteja relacionado ao consumo de bebidas.

Invista na venda de gelo, carvão, produtos descartáveis, taças de vinho, almanaques e afins. Essa pode ser uma excelente saída para aumentar a sua margem de lucro e mostrar o diferencial da sua loja.